skip to Main Content
ÁREA DO ASSOCIADO:

IPVA: Como é calculado? Vale mais a pena pagar à vista ou parcelar?

IPVA: Como é Calculado? Vale Mais A Pena Pagar à Vista Ou Parcelar?

Todo início de ano é a mesma coisa: matrícula e material escolar das crianças, IPTU da casa e o IPVA do carro. São tantas despesas ao mesmo tempo, que o brasileiro precisa saber administrar o seu dinheiro para pagar tudo sem problemas.

Agora você vai descobrir o que é exatamente o IPVA, como ele é calculado e se é melhor pagar à vista ou parcelado. Assim, damos uma força para seu dinheiro render mais!

O que é IPVA?

IPVA é a sigla para Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores. É uma forma de tributo cobrada pelo governo estadual de quem possui algum veículo em seu nome. Por ser um imposto, o valor arrecadado não precisa ser necessariamente utilizado em benefício do contribuinte ou relacionado ao que gerou a obrigação.

Assim, o valor arrecadado não precisa obrigatoriamente voltar para quem tem carro, por meio de ruas asfaltadas e sinalizadas, por exemplo. Esse recurso pode ser investido em educação e saúde e beneficiar quem nem tem veículos, sem problemas. Além disso, metade do valor é repassada para a cidade onde o automóvel está emplacado.

Como é calculado o IPVA?

Agora que você já sabe o que é IPVA, descubra como é feito o cálculo!

É bem simples para calcular. São aplicados percentuais definidos sobre o valor venal do veículo. Para isso, cada Estado utiliza como referência uma tabela de valores, como a FIPE, alguns meses antes do início das cobranças.

Como você já sabe, o IPVA é um imposto estadual. Portanto, cada Estado tem a liberdade de determinar esses percentuais que serão aplicados. Podem ainda definir critérios diferenciados para certas categorias de veículos.

Por exemplo: em alguns locais, o carro elétrico tem imposto menor que um movido a gasolina. Em outros, o imposto dos caminhões é menor que o dos carros de passeio, e por aí vai.

Em Minas Gerais, por exemplo, conforme a SEF/MG, a alíquota do IPVA começa em 1% para ônibus, caminhões, tratores e veículos de locadoras. Depois, passa a 2% para as motocicletas e também para os automóveis e utilitários que possuem autorização para o transporte público, como vans escolares e táxis. A seguir, alcança 3% para caminhonetes cabine simples e furgões. Por fim, chega a 4% para automóveis de passeio, de uso misto, utilitários e caminhonetes cabine dupla.

Sendo assim, imagine um Fiat Palio 1.0 flex Attractive ano 2013/13 de uso particular e emplacado em Belo Horizonte. O seu valor na tabela FIPE em dezembro de 2017 é de R$ 28.661,00.

O valor do IPVA 2018 desse carro será de 4% de 28.661 = 0,04 x 28.661 = R$ 1.146,44.

Compensa mais pagar o IPVA à vista ou parcelado?

Com o valor do IPVA em mãos, você precisa saber que existe um desconto para pagamento à vista que costuma ficar entre 3% e 5%, dependendo do Estado. Poderá também, abrir mão do desconto e parcelar em até 3 vezes.

Considerando o exemplo acima, em MG o desconto para pagamento à vista é de 3%. Assim, o dono daquele carro poderá pagar R$ 1.112,05 (já com abatimento), ou 3 parcelas de R$ 382,15.

Para saber o que é melhor para a sua realidade, é preciso descobrir em qual dessas situações você se enquadra:

O orçamento está apertado, tem empréstimos e usa o cheque especial

Nessa situação, abra mão do desconto e parcele, pois os valores pagos com juros por dinheiro emprestado serão maiores que o abatimento do pagamento à vista.

Tem o suficiente para pagar à vista, mesmo que não esteja sobrando muito

Nesse caso, pague à vista e consiga o desconto, já que não vai passar por aperto financeiro depois. O desconto é pequeno, mas é melhor do que nada.

Vida financeira tranquila, com dinheiro investido

Aqui, vai depender dos rendimentos dos seus investimentos. Se conseguir em 3 meses uma rentabilidade maior que o percentual de desconto, compensa deixar o dinheiro investido e pagar o IPVA parcelado. Se o ganho for menor, é melhor pagar à vista.

Pronto, acabaram as dúvidas sobre IPVA. Então, não deixe de curtir a nossa página no Facebook para ser informado sempre que postarmos informações interessantes como essa!